Clique aqui e veja as últimas notícias!

TEMPO SECO

Você tem tido choques frequentes no tempo seco? Entenda esse fenômeno

Profissional explica que o ar seco faz com que o corpo acumule mais carga
02/08/2021 15:40 - Izabela Cavalcanti


Algo muito comum que tem acontecido nessas últimas semanas de tempo seco, é a presença de descarga elétrica, ocasionada pelo atrito do corpo com objetos metálicos.

O mestre em física e professor dos cursos de Engenharia da Anhanguera, Leandro Batista Holanda, explica que quanto mais seco for o tempo, mais acontece este fenômeno.

" O frio favorece o acúmulo de cargas elétricas nos corpos. O ar mais seco faz com que seu corpo acumule mais carga e o choque seja mais intenso. Em nossa região, o ar é mais seco no inverno. Este acúmulo de carga se dá por atrito", explica.

Últimas notícias

A dona de casa Sueli Albigesi Barbosa, de 70 anos, é um exemplo de quem tem sentido esse fenômeno na pele. Ela conta que ao encostar nas portas e roupas, sente o choque.

" A gente leva um susto, mas é suportável. Ás vezes meu cabelo fica eriçado. Aí está a prova que somos, realmente, energia", conta.

Alguns exemplos ocasionados por essa descarga elétrica são: Pentear o cabelo, colocar e tirar roupas, abrir maçaneta, encostar em objetos de alumínio, abrir geladeira, entre outros.

"O atrito de diferentes materiais, causa uma eletrização. Os corpos 'preferem' ficar neutros. Então, o excesso de carga vai acontecer sobretudo quando houver contato com superfícies metálicas", acrescenta.

O profissional explica ainda que se o ar fosse úmido, as partículas de água iriam retirar as cargas em excesso do corpo.