Clique aqui e veja as últimas notícias!

ESTRAGOS DO TEMPORAL

Governo de MS só pode ajudar com prejuízos do temporal se Capital decretar emergência

De acordo com governador, Estado já tem recursos para conveniar a compra de telhas, caixas d’água e outros insumos necessários
19/10/2021 13:01 - Alex Nantes, Gabrielle Tavares


Governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou que só poderá destinar recursos para auxiliar nos prejuízos causados pelo temporal em Campo Grande se o município decretar situação de emergência.

Quatro dias após a tempestade que atingiu a cidade com ventos de quase 100 km/h, ainda existem árvores tombadas pelas ruas e moradores sem energia elétrica.

Azambuja declarou que a Defesa Civil está fazendo um levantamento em todos os municípios que sofreram com as tempestades, mas que o primeiro passo é o decreto e a homologação do estado de emergência. 

"Ainda não tivemos o decreto de emergência de Campo Grande, mas a nossa equipe da Defesa Civil está em contato com a prefeitura e a Defesa Civil da Capital", apontou. 

De acordo com o governador, o Estado já tem recursos para conveniar a compra de telhas, caixas d’água e outros insumos necessários para regiões mais afetadas.

"Vamos ajudar todos aqueles que nos procurarem. O governo já disponibilizou financeiramente o recurso para os municípios para voltar a vida normal. 

Até o momento, só Dourados, Nova Andradina, Itaquiraí e Sidrolândia decretaram emergência pelos temporais.  

Últimas notícias